Cortar custos e despesas, ao mesmo tempo em que eleva a produtividade com eficiência e qualidade, é um sonho para muitas empresas ligadas ao ramo da engenharia e construção civil.

Afinal, a rentabilidade da empresa depende muito da capacidade dela de fazer mais com menos. Alugar materiais de obra pode ser uma solução para alcançar esse objetivo.

Em países como os Estados Unidos, Alemanha e Inglaterra, essa é uma estratégia que vem sendo utilizada com sucesso há anos, principalmente devido às vantagens que ela proporciona ao negócio. Ainda tem dúvida se vale a pena alugar materiais de obra? Então confira agora 11 vantagens que torna a estratégia uma aliada da construção civil!

1. A necessidade de investimentos em aquisições é menor

Entre os melhores benefícios de se alugar materiais de obra, destacam-se os de caráter econômico. Podemos dizer que essa é a primeira e mais importante. Não precisar investir em aquisições de novos equipamentos e materiais sempre que a vida útil deles termina possibilita a melhoria do ROI (do inglês, Retorno Sobre o Investimento) sobre o capital aplicado e a dedicação de uma atenção maior à sua atividade-fim.

2. A responsabilidade técnica é do fornecedor

Quando você passa a utilizar os materiais de um fornecedor, cabe a ele explicar os procedimentos mais corretos de uso e conservação. Se algum problema acontecer, você não precisará mais solucioná-lo por conta própria, como faria se comprasse os seus próprios equipamentos.

Assim, você poderá receber uma assistência técnica melhor e mais atenciosa, tendo um atendimento no local. O resultado é uma redução considerável do tempo de parada na construção e o ganho de soluções definitivas para os problemas que porventura possam surgir. Entregar obras dentro do prazo será mais fácil com essa estratégia.

3. Você conta sempre com materiais novos e atuais

Outra grande vantagem do aluguel de materiais é que o fornecedor deve ter à disposição sempre os modelos mais novos e tecnologicamente atualizados para te oferecer. Se ele não fizer isso, perde competitividade no mercado e a concorrência cobre a deficiência.

Quem sai ganhando com isso é você, que poderá contar sempre com materiais novos e equipados com tecnologias de ponta. Se tivesse que arcar com tudo isso sozinho, teria que dedicar um alto valor em investimentos.

4. Não precisa se preocupar com a entrega

Na maioria dos casos de aquisição de materiais e equipamentos, é você que precisa se encarregar do transporte, se responsabilizando pela segurança e arcando com custos de aluguel de veículos adequados e motoristas mais preparados para buscar e entregar os materiais.

No caso do aluguel, tudo isso muda. A locadora é quem assume a responsabilidade pela busca e entrega no local, tirando das suas mãos todos os custos e riscos com o transporte.

5. O custo com mão de obra é reduzido

Quando se opta por adquirir os seus próprios materiais, cria-se, paralelamente, a necessidade de contratação de mão de obra especializada para realizar a manutenção diária.

Por isso, o ideal é alugar os materiais, uma vez que a própria locadora fornece as informações e treinamentos necessários de uso. Somente as manutenções mais simples ficam por sua conta.

6. Há uma grande variedade disponível

Além de contar sempre com equipamentos novos e com tecnologia de ponta, ao optar por alugar materiais de obra você terá à disposição uma gama de produtos e serviços disponíveis — um para atender cada necessidade específica.

Isso acontece pelo mesmo motivo que citamos anteriormente: a concorrência é acirrada em diversos segmentos e na construção civil não é diferente. Então, para manter a força competitiva, as empresas de locação se esforçam para atender toda e qualquer necessidade que possa surgir durante a obra.

7. Recebe assessoria especializada

Geralmente, os profissionais que uma locadora de materiais de obra disponibiliza para atender as falhas operacionais dos seus equipamentos são altamente qualificados e conhecedores dos seus produtos.

Não se trata de uma assessoria generalizada, na qual várias marcas e modelos são atendidos. Mesmo que a locadora trabalhe com uma grande variedade, a assessoria se limita aos equipamentos que tem disponível, tornando o atendimento mais rápido e objetivo.

8. Dá um fôlego ao fluxo de caixa

Materiais de obra são caros e o investimento em aquisições demanda um bom fluxo de caixa disponível. Mesmo que essas aquisições sejam financiadas, será preciso pagar prestações carregadas com altas taxas de juros, aumentando o índice de endividamento e reduzindo a atratividade da operação.

No aluguel, isso não acontece. As mensalidades são bem mais baratas, os custos se tornam variáveis e o fluxo de caixa fica mais livre para o investimento em outras áreas, bem como para cobrir os pagamentos que vão vencer.

9. Economiza com manutenções

Quando você compra seus próprios materiais, fica responsável pelas manutenções preventivas e corretivas. Se mudar a estratégia e passar a alugar os materiais que precisa na obra, fará uma transferência desses custos para a empresa de locação.

Isso mesmo: a empresa que aluga os materiais e equipamentos assume toda a responsabilidade pelas manutenções que qualquer natureza. Esses custos já estão embutidos no valor do aluguel.

10. Aumenta a produtividade

Poder contar sempre com os materiais mais novos e atualizados tecnologicamente ajuda a acelerar a produtividade, pois eles estão calibrados e oferecem o que há de mais novo para facilitar o trabalho dos operadores.

E não é só isso: além de conseguir realizar o trabalho mais rapidamente, ele será de melhor qualidade. Ou seja, o aumento da produtividade com qualidade não é forçado, mas uma consequência natural do uso de um bom material de obra.

11. Paga apenas pelo que usa

Esse é outra grande vantagem que o aluguel de materiais de obra traz para você. A estratégia contribui diretamente para a redução dos custos e despesas, pois você só paga pelos modelos de que precisa e pelo tempo de uso. Os preços que se pagam por eles ficam mais justos e pontuais, tornando a aquisição um péssimo investimento.

Como pode ver, alugar materiais de obra é uma estratégia que gera aumento da produtividade, eficiência às operações, economia de tempo e um grande corte no orçamento. Considerar essa opção é crucial para agregar um diferencial competitivo à obra, entregando-a antes do tempo previsto. Se dividir as economias entre o aumento da taxa de lucro e a redução do preço final, a obra ficará ainda mais atrativa.

Achou interessante? Então descubra também por que você deve manter o histórico de execução do projeto no diário de obra!