A realidade virtual está se tornando uma das principais aliadas dos arquitetos na apresentação de projetos. Um cenário 3D resulta em maior precisão na definição do trabalho a ser realizado e eleva a percepção de valor do serviço. Por isso, os profissionais da área precisam se aprimorar cada vez mais na utilização de softwares específicos.

Renderizar no Sketchup usando V-Ray é uma das técnicas que transforma o briefing de arquitetura em um conceito visual realístico, facilitando a interação com o cliente. Mas, para isso, é preciso saber utilizar da melhor forma os recursos disponíveis para composição de materiais, texturas e luzes. É o que vamos te ensinar neste artigo. Acompanhe!

Por que uma boa renderização é tão importante no projeto?

Uma boa renderização faz toda a diferença na apresentação de um projeto. Para o arquiteto é fácil vislumbrar as ideias projetadas para a obra. Mas para o cliente isso não é tão simples.

Tirar os conceitos do papel e ilustrá-los da forma mais realística por meio de uma planta 3D é um ponto obrigatório para melhorar a comunicação entre contratante e prestador de serviço. Na interação com profissionais responsáveis pela execução da obra, esse recurso evita falhas, já que expõe com maior nível de detalhamento o resultado final esperado.

O aplicativo Sketchup pode ser usado desde o início do processo de idealização da obra, ainda na fase de briefing, até a renderização usando V-Ray. É uma ferramenta que precisa ser dominada para gerar os melhores resultados possíveis, simplificando, até mesmo, etapas importantes da gestão de projetos.   

Quais são os passos para renderizar no Sketchup usando o V-Ray?

A renderização no Sketchup usando o V-Ray requer aprimoramento constante. O arquiteto precisa se manter atualizado sobre os recursos, melhores técnicas de uso e evoluções dos programas. O desenvolvimento profissional e a prática levam à perfeição. Mas é preciso começar de algum ponto.

Se você está inciando essa jornada, comece este passo a passo que elaboramos. Os quatro requisitos básicos necessários são: 

  • conhecer a ferramenta;
  • obter boas texturas;
  • realizar testes;
  • buscar atualização constante.

1. Conhecer a ferramenta

Por mais que você tenha facilidade com uso de tecnologias, não deixe de buscar conhecimento. Ainda que muitos recursos sejam intuitivos, vale a pena investir em cursos online para aprender a explorar o potencial máximo dos programas. Isso também vai te ajudar a ter uma melhor noção do que se está desenhando e projetando no V-Ray. 

Se o arquiteto precisa representar uma parede de gesso cartonado, ele precisa dar detalhes de ângulo, iluminação e tipo de revestimento para que a imagem se transforme em algo bastante real e o projeto não seja representado de forma grotesca. Ou seja, não adianta, simplesmente, fazer a projeção de qualquer forma, é preciso conhecer como usar opções de textura, luz e materiais para chegar ao resultado desejado. 

2. Obter boas texturas

Atingir boas texturas é um dos grandes diferenciais na hora de renderizar pelo V-Ray. Quanto mais for detalhado o projeto, melhor. E, para isso, é imprescindível ter atenção à composição de texturas desde o início.

Note que projetos de arquitetura incríveis exploram a criatividade. Pela ousadia dessas ideias, precisam ser apresentados com precisão e realismo. Conseguir boas texturas, nesse caso, não é uma opção, é uma necessidade. 

3. Realizar testes

Uma das formas de garantir maior realismo na renderização é testando o desenho. No final, você conseguirá um efeito mais próximo do real possível, porque verificou várias opções de composição de cenários. Além disso, fazer testes constantemente fará de você um arquiteto mais preparado e capacitado no uso do software.  

4. Buscar atualizações constantes

É preciso, ainda, manter-se atualizado quanto às alterações no V-Ray. O software já está na versão 3.5. Conhecer os novos recursos disponíveis é um caminho inevitável para quem quer obter imagens realísticas. Isso porque o próprio software é aprimorado para chegar a esse nível de qualidade. 

Como fazer a aplicação de material? 

Outro aspecto importante na hora de utilizar o V-Ray para renderização é fazer a aplicação de material de forma adequada. Esse processo depende de cinco ações básicas que você precisa executar:

  1. abrir a janela de materiais;
  2. acessar o recurso Create Material;
  3. escolher a imagem;
  4. ajustar o tamanho da imagem de acordo com as dimensões do material.

Certifique-se de a largura e a altura estão proporcionais na hora de manipular o tamanho da imagem, para não gerar distorções.

banner-ebook-gestao

Como aprimorar o uso de luzes e sombras?

Além dos materiais e das texturas, é necessário trabalhar bem com luz e sombras na hora de renderizar no Sketchup usando V-Ray. Sem isso, o nível de realismo desejado não será alcançado. 

É possível configurar tanto as luzes naturais quanto as artificiais. Usando as duas possibilidades, o resultado tende a ser melhor ainda. Da mesma forma é preciso atentar para a composição de sombras, para que não fique tão escura e se aproxime do padrão real. 

O V-Ray funciona com subdivisões. Essas camadas são importantes para dar realismo às peças e materiais. É um recurso importante, sobretudo, para criar texturas muito detalhadas. Quanto mais avançado você estiver na renderização, melhor uso fará dessa possibilidade.

Mas vale destacar que, embora garanta o alcance de resultados excelentes, as subdivisões tornam mais demoradas as renderizações. Por isso, no início, tente não acrescentar muitas camadas para evitar uma lentidão no processo.

Essa mesma atenção deve ser adotada na hora de inserir luzes na cena. O efeito pode travar o render, por isso, é importante ir com cuidado. Uma solução para evitar que as luzes sejam aplicadas, retiradas e depois acrescentadas novamente é configurar apenas uma parte do cenário, a princípio, como teste. Depois de chegar no padrão desejado, você pode renderizar a imagem completamente, sem correr tanto risco de travamentos.

Dominar essa ferramenta leva um certo tempo e requer esforço, mas vale a pena. Com o uso de apresentações detalhadas e realistas é possível conquistar mais clientes e melhorar a eficiência da obra. 

Renderizar no Sketchup usando V-Ray é uma excelente opção para melhorar a apresentação de projetos. Mas é uma ferramenta que ainda gera inúmeras dúvidas. Que tal compartilhar este artigo nas rede sociais para ajudar outros profissionais a se aprimorarem nessa técnica?