Na faculdade de arquitetura, todo mundo aprende a fazer desenhos técnicos à mão e isso é, sem dúvida, importante para a formação de um bom profissional. Mas conforme você vai se profissionalizando, é preciso produzir mais rápido e com perfeição. Para isso, os softwares de desenho podem ser de grande ajuda.

Neste texto vamos falar mais sobre o software mais utilizado por arquitetos, o AutoCAD 2018, mostrar um pouco da sua história, algumas funcionalidades do programa e as novidades que a Autodesk trouxe para esse ano.

O que exatamente é o AutoCAD?

AutoCAD é um software da Autodesk e, como a sigla CAD já indica, ele permite a criação de Computer Aided Designs, ou seja, designs feitos com a ajuda de um computador.

O programa hoje é pré-requisito para qualquer arquiteto, engenheiro civil, mecânico ou elétrico desenvolver um projeto estrutural com rapidez e praticidade. Ele permite fazer e compartilhar desenhos técnicos com grande riqueza de detalhes. Faz cálculos estruturais, lê e interpreta desenhos e ajuda a reduzir as chances de erros no projeto.

Além das plantas baixas, o software é capaz de produzir plantas 3D, ideais para apresentar projetos para clientes, e criar modelos de equipamentos mecânicos ou elétricos.

Como ele surgiu?

A Autodesk lançou a tecnologia de CAD em 1982 na COMDEX — uma importante feira de computadores que reunia as novidades do mercado e acontecia todos os anos de 1979 até 2003, nos Estados Unidos. O software, inicialmente, rodava em diferentes sistemas operacionais como CP/M, DOS e Unix. Com o tempo, a Autodesk fechou uma parceria com a Microsoft e deixou de desenvolver o programa para DOS e Unix.

Na época em que foi lançado, o AutoCAD era um programa muito limitado, servindo quase que exclusivamente como uma prancheta de desenho virtual. Porém, foi o primeiro passo para o que hoje conhecemos como uma das ferramentas de design mais poderosas do mercado.

Com o objetivo de melhorar o software, a Autodesk disponibilizou seu código para pequenas empresas de tecnologia e profissionais independentes que ficaram responsáveis por desenvolver soluções e novos recursos, incorporados no programa ao longo dos anos. Atualmente, a Autodesk possui um catálogo com mais de 30 softwares que lideram o mercado nas áreas de engenharia, arquitetura, construção, design de produto, mídia e entretenimento.

Qual a sua importância para a profissão?

Especialmente para a arquitetura, o AutoCAD foi um grande divisor de águas no fluxo de trabalho dos profissionais. Antes dele, todas as plantas, sketches e desenhos eram feitos à mão, em papel apoiado na prancheta, e usando canetas, lápis, réguas, esquadros, etc.

Usando o programa é muito mais fácil produzir os designs, fazer quantas modificações forem necessárias e compartilhar com qualquer pessoa os arquivos em PDF. É possível também desenvolver plantas 3D, muito mais práticas e interativas do que as maquetes reais.

Quais as novidades para 2019?

O AutoCAD já é um programa bem robusto e completo, mas todo ano lança novidades para melhorar ainda mais seu desempenho, consertar possíveis problemas e acrescentar funcionalidades que melhoram a vida de quem usa todos os dias.

Atualmente, só é possível adquirir o programa por meio de assinaturas, assim o software é atualizado automaticamente pela internet e sai mais barato para o consumidor final pagar mensalmente um valor modesto do que comprar uma nova versão a cada ano.

Aqui você confere as principais atualizações feitas para a versão de 2019:

DWG COMPARE
Na nova versão do AutoCAD, o DWG Compare é sem dúvida a novidade que mais impressionou, já que agora é possível comparar e documentar as diferenças entre duas versões de um desenho ou xref, o que permite identificar quais alterações foram realizadas no projeto.

SALVAR PARA WEB E PARA DISPOSITIVOS MÓVEIS
Outra novidade de 2019 é que agora o usuário consegue salvar os desenhos do seu desktop em uma versão que permite visualização e edição nos aplicativos AutoCAD da web e também para dispositivos móveis.

INTERFACE APRIMORADA
O AutoCAD está de cara nova! Os ícones que você já está acostumado agora foram aprimorados com novos ícones de design planos e com cores mais contrastantes. Experimente o novo visual com melhorias 4k.

MELHORIAS NA IMPORTAÇÃO DE PDF
Outro recurso muito interessante que foi adicionado foi a possibilidade de importar a geometria, incluindo arquivos de fonte SHX, preenchimentos, imagens raster e texto TrueType de um PDF para um desenho.

VIEWPORTS
Tivemos novidades importantes nessa ferramenta! Agora, além de conseguir configurar qual área do desenho será exibida pelo Viewport, você também pode criar e usar vistas personalizadas do ambiente Model.

Você também pode conferir quais tinham sido as principais atualizações para a versão anterior do AutoCAD, do ano de 2018:

Importação de PDF

Na versão anterior, uma das novidades mais interessantes foi a possibilidade de importar arquivos em PDF e convertê-los para DWG, um formato editável em AutoCAD. Já a versão 2018 trouxe melhorias nesse quesito principalmente na hora de reconhecer os textos nesses arquivos.

Referências a arquivos externos

A mais nova versão do software permite refazer as referências a arquivos externos, ou seja, se o seu arquivo está linkado a outro que mudou de lugar dentro das pastas do computador, é possível refazer esse caminho e direcionar a referência para o arquivo correto.

Seleção de objetos

A seleção agora é muito mais fácil porque o programa reconhece melhor as linhas, mesmo as que não são contínuas, e permite a seleção de objetos com zoom. Você pode começar uma seleção, mover o desenho e continuar trabalhando sem perder a seleção já feita.

Converter texto em Mtext

Quando importamos um arquivo em PDF para o AutoCAD, todo texto do projeto é convertido para single line text, o que limita muito as opções de edição do texto. A ferramenta de conversão faz com o que o single line text se transforme em multline text, e possa ser editado da mesma forma que se faz com editores de texto como o Word.

Suporte para monitor de alta resolução

Algumas ferramentas e telas do AutoCAD apresentavam pequenos defeitos quando rodavam em monitores de alta resolução. Alguns textos apareciam muito grandes e as imagens pequenas. Todos esses erros foram corrigidos para a versão 2018 do programa.

Aplicativo AutoCAD para dispositivos móveis

Quando você assina o pacote do AutoCAD ganha o aplicativo para smartphone e tablet. O aplicativo permite fazer simples edições e exibições do seu projeto em dispositivos móveis. Aqui no blog já fizemos uma lista com os melhores softwares e aplicativos para arquitetos, vale a pena conferir as nossas dicas.

Quais atalhos e comandos básicos?

Existem muitos comandos que nem todo mundo conhece e são bastante úteis. Usando o AutoCAD todo dia, você com certeza tem os seus favoritos, mas para quem é novo no mundo dos softwares de desenho digital, saber esses comandos com certeza vai agilizar muito seu trabalho.

Comando Burst

Em vez de explodir um bloco completamente, esse comando apaga o bloco sem perder os atributos e informações que ele possui.

Comando Chspace

Permite mover objetos do layout para o model e vice-versa. É só escolher uma janela de exibição para onde o objeto será movido e pronto, ele é movido completamente.

Comando CloseAll

Este comando fecha todas as janelas sem fechar o programa. É ótimo para quem chega no final do dia com várias janelas abertas e precisa fechar todas de uma vez só. Se tiver feito alguma mudança ele perguntará primeiro se deseja salvar.

Comando Oops

Ele funciona mais ou menos como o Undo, porém, em vez de desfazer as alterações uma a uma, ele retoma os objetos apagados sem desfazer as outras edições feitas no projeto.

Comando Overkill

Excelente para quem gosta de desenhos limpos e organizados. Overkill apaga todas as linhas sobrepostas e as repetições feitas no desenho, deixando tudo mais profissional.

Comando SaveAll

Como o nome já indica, este comando salva todos os desenhos abertos no AutoCAD. Ajuda muito quando se está com pressa para fechar o programa e sair mas não quer correr o risco de perder todo o trabalho já pronto.

PIRATARIA DE SOFTWARE

Uma discussão que sempre esteve muito presente no mercado de arquitetura é a questão da utilização de versões irregulares de programas que fazem parte do dia-a-dia do arquiteto, como o AutoCAD e também o Sketchup e o V-Ray. O alto índice de versões irregulares no mercado está muito relacionado aos altos valores de contratação do serviço.

Nos últimos meses, as empresas desenvolvedoras de softwares como os citados previamente intensificaram suas ações de fiscalização contra o uso de licenças irregulares ou piratas no território brasileiro. Essas empresas atuam com base nas leis vigentes do Brasil que tratam da proteção à Propriedade Intelectual, e buscam a regularização do uso dos programas ou a aplicação de penalidades quando necessário.

Assim como o AutoCAD 2018 ajuda muito a organizar seus projetos, o Veja Obra também pode ser útil na hora de gerenciar o dia a dia no canteiro de obras. Fale conosco para saber mais sobre o software!